Quem Sou Eu???

Quem Sou Eu???
Uma Eterna Aprendiz...

Total de visualizações de página

Volta ao mundo... Estamos aqui!!!

Recent Visitors

Seguidores

Postagens populares

20 de outubro de 2010

Cinema no Distrito Federal

43ª edição do Festival de Brasília tem longas, curtas e digital na competição

Cinema

A organização do Festival de Brasília divulgou ontem a lista dos filmes selecionados para sua 43ª edição, marcada para novembro de 23 a 30. Seis longas-metragens e 12 curtas serão exibidos na mostra competitiva, que vai distribuir um total de R$ 555 mil em prêmios do júri oficial, popular e paralelos. "A Alegria", de Felipe Bragança e Marina Meliande – o fechamento da trilogia "Coração no Fogo", exibido em Cannes neste ano –, "Transeunte", de Eryk Rocha, e o experimental "O Céu Sobre os Ombros", de Sérgio Borges, estão entre os competidores, assim como "Amor?", de João Jardim, o único com elenco famoso (Lilia Cabral, Julia Lemmertz e Eduardo Moskovis, entre outros). Dois documentários estão na seleção: "O Mar de Mário", sobre o cineasta Mário Peixoto, do clássico "Limite", e "Vigias". No total, foram recebidas 455 inscrições – 36 longas, 118 curtas em 35mm e 301 curtas/médias em digital. A cerimônia de abertura, no Teatro Nacional, contará com o curta "50 anos em 5", de José Eduardo Belmonte ("Se Nada Mais Der Certo") e a cópia restaurada de "Liliam M. – Relatório Confidencial" (1974), de Carlos Reichenbach. A competição em 35mm será realizada no Cine Brasília, com reprise no Centro Cultural Banco do Brasil e Cinemark Píer 21. Já a mostra competitiva digital, na Sala Martins Pena do Teatro Nacional Claudio Santoro, com reprise no CCBB de Brasília, quando serão exibidos 22 filmes.


Veja abaixo a lista dos filmes selecionados:

Longas – competição 35mm
"A Alegria", de Felipe Bragança e Marina Meliande (106 min, RJ)
"Amor?", de João Jardim (100 min, RJ)
"O Mar de Mário", de Reginaldo Gontijo e Luiz F. Suffiati (72 min, DF)
"O Céu Sobre os Ombros", de Sérgio Borges (72 min, MG)
"Transeunte", de Eryk Rocha (100 min, RJ)
"Vigias", de Marcelo Lordello (70 min, PE)

Curtas – competição 35mm
"A Mula Teimosa e o Controle Remoto", de Hélio Villela Nunes (15 min, SP)
"Acercadacana", de Felipe Peres Calheiros (19 min, PE)
"Angeli 24 horas", de Beth Formaggini (25 min, RJ)
"Braxília", de Danyella Neves e Silva Proença (16 min, DF)
"Cachoeira", de Sergio José de Andrade (13 min, AM)
"Café Aurora", de Pablo Pólo (19 min, PE)
"Contagem", de Gabriel Martins e Maurilio Martins (18 min, MG)
"Custo Zero", de Leonardo Pirovano (12 min, RJ)
"Fábula das Três Avós", de Daniel Turini (17 min, SP)
"Falta de Ar", de Érico Monnerat (21 min, DF)
"Matinta", de Fernando Segtowick (20 min, PA)
"O Céu no Andar de Baixo", Leonardo Cata Preta (14 min, MG)
Mostra competitiva digital (curtas e médias)
"Com a Mosca Azul", de Cesar Netto (15min, SP)
"Dalva", de Filipie Wenceslau (15min20, BA)
"De bem com a vida - Carlos Elias e o Samba em Brasília", de Leandro Borges (20 min, DF)
"Do Andar de Baixo", de Luisa Campos e Otavio Chamorro (13 min, DF)
"Entrevãos", de Luísa Caetano (19 min, DF)
"Esta Pintura Dispensa Flores", de Luiz Carlos Lacerda (20 min, RJ)
"Herói", de Thiago Ricarte (20 min, SP)
"Lendo no escuro", de Marcelo Pedrazzi (16 min, RJ)
"My Way", de Camilo Cavalcante (7 min, PE)
"Naquela Noite Ele Sonhou com Um Mar Azul", de Aristeu Araújo (20 min, PR)
"Negócios à Parte", de Juliana Botelho (15 min, DF)
"O Eixo", de Ricardo Movits (7 min, DF)
"O Filho do Vizinho", de Alex Vidigal (6 min, DF)
"O Gato na Caixa", de Cauê Brandão (19 min, DF)
"O Silêncio do Mundo", de Bárbara Cariry (10 min, CE)
"Onde Você Vai?", de Victor Fisch (14 min, SP)
"Queda", de Pablo Lobato (14 min, MG)
"Queimado", de Igor Barradas (19 min, RJ)
"Só mais um filme de amor", de Aurélio Aragão (18 min, RJ)
"Tempo de Criança", de Wagner Novais (12 min, RJ)
"Traz Outro Amigo Também", de Frederico Cabral (15 min, RS)
"Últimos Dias", de Yves Moura (15 min, RJ)


Note e Anote
Pura Gafi comanda “Noite do Dance” no SESC


A tradição do samba “das antigas” será bem representada em nova “Noite do Dance a Dois”: O grupo Pura Gafi, especialista em sucessos da música latina e também do samba de gafieira comanda a animação na noite de quinta, 21 de outubro.
Homenageando os clássicos bailes cariocas, a banda apresenta um vasto repertório que transita entre momentos dançantes e outros mais calmos, mas igualmente envolventes: valorizando arranjos de metais próprios e postura de palco calorosa, os músicos João Albuquerque (violão/voz), Alcides Cardoso (sax tenor), Fabiano Nunes (contrabaixo), Fortunato (trombone), Juninho Melo (bateria) exploram os sons nacionais e flertam com os cha-cha-cha, bolero e foxtrots, tornando esse caldeirão de ritmos ainda mais rico.
Os frequentadores do SESC Araraquara que aprenderam mais sobre os ritmos da salsa nas aulas promovidas pelo projeto Dance a Dois e também os interessados em vivenciar uma noite contagiante poderão mostrar o que sabem ao som da Pura Gafi em 21 de outubro, às 21h. Grátis!



Nenhum comentário: