Quem Sou Eu???

Quem Sou Eu???
Uma Eterna Aprendiz...

Total de visualizações de página

Volta ao mundo... Estamos aqui!!!

Recent Visitors

Seguidores

Postagens populares

12 de dezembro de 2010

Jorge Caballero no Movimento Violào

Violonista peruano se apresenta no último Movimento Violão de 2010
Jorge Caballero encerra as atividades do projeto na próxima quarta dia 15 de dezembro




































A série Movimento Violão encerra suas atividades deste ano com a apresentação do violonista peruano Jorge Caballero, no próximo dia 15 de dezembro, às 21 horas, no Teatro Municipal de Araraquara. A entrada é gratuita e os ingressos podem ser retirados uma hora antes da apresentação na bilheteria do teatro.
Jorge Caballero, o mais jovem músico e único violonista a ganhar o prestigiado “Naumburg International Competition” em Nova Iorque, é conhecido pelo seu virtuosismo deslumbrante, intensa musicalidade e por captar a atenção do público em suas performances, sendo considerado um dos mais refinados de sua geração.
Natural de Lima, no Peru, Caballero nasceu em uma família de músico. Sua mãe é uma conhecida cantora no Peru e durante sua infância, passou muitas tardes nos bastidores de seus concertos. Aprendeu a tocar violão com seu pai, mas já havia absorvido muito do seu conhecimento ao ver seu pai ensinando a outros.
Começou seus estudos musicais no Conservatório Nacional em Lima, estudando com Oscar Zamora. Mais tarde foi aos Estados Unidos, onde ingressou na Manhattan School of Music.
Em recitais solo, Caballero já se apresentou nos principais centros das Américas, Japão, Ásia e Europa. Como solista já se apresentou junto às orquestras: Los Angeles Philharmonic; Orchestra of St. Luke's; New York Chamber Symphony; Naples Philharmonic; Kansas City Chamber Orchestra e Presidential Symphony Orchestra of Ankara (na Turquia) - entre outras.
Recentemente gravou a “Sinfonia do Novo Mundo” de A. Dvorak, transcrita para um violão, uma obra que poucos executam no mundo. Com um repertório notável por sua extensão e alcance, Caballero vai de Bach a Ginastera, de Paganini a Ponce, de Scarlatti e Dowland a Giuliani e Legnani, das peças Renascentistas para vihuela a compositores modernos como Carter e Berio.
Sobre a série “Movimento Violão” - O Movimento Violão, criado pelo violonista Paulo Martelli junto à Prefeitura de Araraquara, acontece há sete anos na cidade de Araraquara, e há quatro anos foi abrigado pelas cidades de Ribeirão Preto e São Paulo, tornando-se a única série de concertos mensais gratuitos neste formato.
Em 2007, o projeto lançou o primeiro CD da série, e em 2010 o primeiro DVD. O Movimento Violão passou a ser atração das unidades do SESC em São Paulo, sendo os concertos desta temporada exibidos pelo SESC TV, num programa homônimo ao projeto.
Nestes sete anos, o Movimento Violão ajudou a divulgar, criar e satisfazer o público com seus concertos gratuitos, tendo como convidados os mais importantes profissionais do gênero, entre eles: Franz Halasz (Alemanha), Jorge Caballero (USA), Cecília Siqueira (Uruguai), Marco Pereira, Fabio Zanon, Paulo Belinatti, Weber Lopes, Duo Siqueira Lima, Brasil Guitar Duo, Geraldo Ribeiro, Paulo Martelli, Edelton Gloeden, Fábio Zanon, Eduardo Meirinhos - entre outros.
A importância do Movimento Violão na cultura e história do país vem sendo reconhecido amplamente pelos maiores expoentes deste instrumento, assim como pela imprensa. O projeto recebe patrocínio integral da Usina São Manoel, ProAc, sendo uma realização da Secretaria Municipal de Cultura e Fundart em Araraquara.

Note e Anote

Grupo Coro e Osso apresenta habilidade vocal em espetáculo “Temporal”


A Associação Coro e Osso, oriunda de Matão, é composta por artistas da região que possui – em mais de 20 anos de carreira – uma ligação direta com o canto de coral e o desenvolvimento das técnicas vocais. Juntos, eles ministram workshops, gravam discos e colhem elogios de público e crítica, em maior parte devido ao frescor e ineditismo que emprestam a pesquisa que realizam na área.
A nova empreitada do grupo flerta com a teatralidade: trata-se de “Temporal”, show musical que foi apresentado no SESC Araraquara. Dirigido e criado pelo maestro Luiz Piquera, que também é diretor musical do espetáculo, ele mostra diversas possibilidades de interpretação para clássicos da MPB, quando revisitados por vozes reunidas.
Enfileirando sucessos de Milton Nascimento, Itamar Assumpção, Chico Buarque e outros grandes nomes – além de faixas inéditas criadas por Piquera em parceria com Gerson Bruno e Rodrigo Bandeli, a apresentação lança um olhar sob os conceitos de “tempo” e “oralidade”, que circundam a performance da trupe. “Temporal” homenageia a canção brasileira – e resgata toda sua versatilidade.
O Grupo Coro e Osso se apresentou no SESC ontem dia 11 dedezembro, às 20h, no Teatro. Os ingressos podem ser adquiridos na Central de Atendimento (R$2,50 Trabalhadores no comércio de bens e serviços – R$5,00 Usuários matriculados, estudantes, menores de 18 anos e pessoas acima de 60 anos – R$10,00 Inteira)


Antonio Penteado Mendonça presidirá a Academia Paulista de Letras (APL) no biênio 2011/2012

A Academia Paulista de Letras (APL) elegeu nova diretoria para o biênio 2011/2012, que será presidida pelo advogado, jornalista e cronista Antonio Penteado Mendonça. Ele sucede, na presidência, o desembargador e professor José Renato Nalini, que também integra a chapa vencedora, respondendo pela secretaria-geral.
O primeiro-secretário será d. Fernando Antonio Figueiredo, bispo de Santo Amaro e a segunda-secretária, a contista e ensaísta Ana Maria Martins. Quem ocupará o cargo de primeiro-tesoureiro será o professor, educador e poeta Paulo Nathanael Pereira de Souza, presidente Emérito do CIEE. O sociólogo José Pastore, Professor Emérito da USP e do CIEE/Estadão, será o segundo-tesoureiro. Para as Comissões Permanentes foram eleitos o deputado federal e escritor Gabriel Chalita (Comissão de Contas); Hernani Donato (Comissão de Bibliografia e Publicações) e Francisco Marins (Comissão de Lexicografia).

Praça Pedro de Toledo e SASDA recebem Autos de Natal

Ocorreu hoje  dia 12 de dezembro, às 11 horas, a presentaçào do Auto “A Árvore Mágica’’, do Núcleo de Artes Integradas, será encenado no SASDA. O espetáculo mistura teatro, dança e técnicas circenses promovendo uma grande intervenção artística, que resulta na montagem de uma árvore de Natal.
O Auto apresenta quatro funcionários contratados na véspera de Natal. Na carta de contratação, recebem suas funções e estranhas obrigações. Entre estas, cabe a eles enfeitar e acender a árvore de Natal que se encontra no centro da fábrica. O que parecia simples se torna impossível diante das inúmeras trapalhadas e curtos circuitos que acontecem. Porém, para completar a missão, eles precisam primeiro encontrar e acreditar no espírito de Natal.
O Núcleo de Artes Integradas tem direção de Max Oliveira. No elenco estão: Daiane Câmara, Felipe Ferrari, Mariana Ferreira, Vitor Castro. O espetáculo tem figurino e sonoplastia de Flávia Ferrari.
O projeto Autos de Natal, da Secretaria Municipal da Cultura e Fundart, apresenta teatro de rua com temas natalinos, gratuitamente, para a população da cidade, em espaços públicos de Araraquara.
As apresentações seguem até o dia 22 de dezembro, da seguinte forma: “A Árvore Mágica” (dia 12 - 11h – SASDA; dia 14 - 20h - Parque Infantil; dia 19 - 17h30 - Choro das Águas; dia 21 – 20h - Casa da Cultura Luiz Antônio Martinez Corrêa) e “Jafé e a Flor de Mandacaru” (dia 10 - 20h - Praça Pedro de Toledo; dia 15 - 20h - em frente à Casa da Cultura Luiz Antônio Martinez Corrêa; dia 22 – 20h - Praça Santa Cruz).


Nenhum comentário: