Quem Sou Eu???

Quem Sou Eu???
Uma Eterna Aprendiz...

Total de visualizações de página

Volta ao mundo... Estamos aqui!!!

Recent Visitors

Seguidores

Postagens populares

31 de janeiro de 2009

Desvendando Maysa...

Photobucket
Maysa Figueira Monjardim


Linda, talentosa, irreverente, sedutora, polêmica. Menina, mãe, mulher, cantora, compositora, esposa, romântica. Graças à telinha ela esteve de volta. No dia 5 de Janeiro estreou na Rede Globo a minissérie “Maysa Quando fala um coração”, escrita por Manoel Carlos e Ângela Chaves e dirigida por Jayme Monjardim Matarazzo, filho único desta cantora sensível e inteligente que marcou uma época não só com suas canções melancólicas e de fossa, como também com sua personalidade forte, espírito libertário e transgressor.Manoel Carlos recontou a história da cantora baseando-se em diários, anotações e todo o material que a própria Maysa guardava sobre sua vida. Maneco também criou situações fictícias, mas possíveis... Sempre fui fã de Maysa e ao assistir os primeiros capítulos resolvi pesquisar para postar aqui curiosidades e situações que esclareceriam fatos que seriam omitidos na minissérie. Dias corridos com a pesquisa, e lendo a Ilustrada do dia 14 de janeiro me deparei com um comentário do biógrafo Lira Neto que escreveu "Maysa: Só em uma multidão de amores" dizendo que Maysa estava sendo tratada na minissérie como uma garota mimada, exatamente o que ela não foi.Imediatamente comecei a escrever um e-mail para o jornalista Lira Neto que com o seu comentário me deixou mais segura de que a minha pesquisa estava no caminho certo.Não consegui enviar o e-mail,pois estava com um pequeno problema na configuração do computador, então postei um comentário em seu blog parabenizando pela postura que teve em defesa da imagem de Maysa.O livro de Lira foi publicado em 1997 e agora está na lista dos best-sellers da revista Veja.Acho importante postar aqui um texto que resume a vida de Maysa, pois descobri fatos que como fã tenho também a responsabilidade de não omití-los.Postarei em duas partes, para que não fique longo demais.Espero que você goste e deixe o seu comentário.


Um comentário:

maurapierobon disse...

Maribel
Realmente, muitos fatos da vida de Maysa foram omitidos na minisséria, passando-nos também uma imagem dela não real!
Que bom que existe pessoas como você para defender a imagem dessa cantora inesquecível!
Parabéns pelo texto sensível e emocionante! E fico aguardando novas publicações sobre ela!